Em mapeamento realizado com os 15 maiores mercados do mundo inteiro (Austrália, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Israel, Itália, Japão, Rússia, Cingapura, Espanha, Turquia, Reino Unido e Estados Unidos), o PayPal, uma das principais plataformas de pagamento da atualidade, descobriu  que os consumidores de 13 desses mercados gastam mais tempo, semanalmente,  comprando produtos offline do que online.

O relatório apontou ainda que, das quinze nações, apenas no Brasil os consumidores gastam a mesma quantidade de tempo tanto nas compras offline, quanto online: 238 minutos. Já a China aparece como o único país em que o tempo gasto para compras online (387 minutos) supera o offline (378 minutos). No caminho inverso, Espanha, Turquia e Rússia são os países que mais gastam tempo realizando compras offline, enquanto os EUA gastam menos tempo para compras, tanto online quanto offline.

Comprando

Dentre os motivos citados para não comprar online, 38% das pessoas revelaram que se sentem incomodadas em ter de preencher cadastros em sites que eles sabem que não usarão mais; enquanto igual parcela (38%) destacou desconfiar que taxas ou encargos escondidos apareçam na última tela de checkout.

Já contra as compras offline, 25% das principais reclamações foram “ter que levar ou sacar dinheiro antes da compra”, e esperar alguém disponível na loja para poder pagar (25%).

fonte:www.ecommercenews.com.br

Leave a Reply